Aventura Fantasia Livros em Série

Livro ilustrado Harry Potter

Gente, para tudo!! Essa é uma das melhores notícias do mês!

Dia 1º de junho chega as livrarias o primeiro livro da série de Harry Potter ilustrado! Gente, o Livro está uma lindura só! A edição é perfeita para todos os de fãs da série de J.K. Rowling e para as novas gerações que estão descobrindo a leitura. A nova edição é ilustrada por Jim Kay, ganhador da Kate Greenaway Medal, que fez um trabalho minucioso ao recriar o universo de Harry Potter em imagens e cores.

O Livro chega às lojas com capa dura, sobrecapa, miolo em papel couché e protegido por uma luva ilustrada.

Quer ter um gostinho de como vai ser a leitura? Clica aqui para ler o primeiro capítulo!

Eu já tenho a coleção completa que fui comprando enquanto os livros eram lançados e o box especial com o desenho do castelo, não vejo a hora de ter mais esse!

Livros

E-reader vs Book

 

Muita gente me pergunta se vale a pena comprar um E-reader e depois de ler muitos livros nas duas versões (físicos e digitais) resolvi fazer um comparativo para ajudar aos indecisos.

Livros:

A primeira lembrança que todo leitor fanático tem é a sensação de ter em mãos um livro novo. A textura das folhas, o cheirinho de novo, o peso, as capas maravilhosas e a realização de colocar a nova aquisição na estante, tudo isso faz com que os livros físicos sejam o nosso sonho de consumo. Não tem como negar, a experiência de leitura é muito diferente de um livro digital e por esse motivo um novo livro (físico) nuca deixará de ser uma das melhores coisas do mundo. Mesmo depois de mais de 3 anos lendo livros digitais não consigo deixar de comprar livros novos para encher todas as minhas prateleiras e aproveitar as tardes livres para sentar com um novo livro e uma xícara de chá.

E-reader:

Tenho o meu Kindle Paperwhite faz uns 3 anos e para começar vou contar porque eu comprei ele, quem sabe assim você não me julgue antes de saber toda a história. Eu sempre fui uma pessoa viciada em livros e durante o meu intercambio ficava absurdamente difícil comprá-los (em português), por esse motivo decidi adquirir meu leitor de e-books. Quando eu fiz a minha escolha a Amazon tinha acabado de lançar o Paperwhite e acabei optando por essa versão. Posso dizer que, de longe, foi a melhor compra que eu fiz durante meu intercâmbio. Confesso que nada substitui a leitura de um livro físico, mas o kindle facilita em muito minha vida. Por ter uma tecnologia especial o Kindle não cansa a vista durante a leitura, dá para ler no escuro, a bateria do dispositivo dura muito, no meu caso eu carrego uma vez por mês, mas leio pelo menos 2h por dia (então podemos dizer que a bateria dura muito mesmo!) e ele é super leve, você consegue ter mais de 1000 livros em um só dispositivo e pode levar para qualquer lugar. Meu Kindle é tão indispensável quanto meu celular, não saio de casa sem ele.

Se você quiser saber um pouco mais sobre o Kindle Paperwhite é só entrar no site da Amazon.

 

Como eu disse antes, nada substitui um livro físico e mesmo depois de ter lido no kindle eu ainda compro os meus favoritos, mas vale sempre a pena conhecer as tecnologias que nos ajudam no dia a dia.

Deixe um comentário sobre qual é o seu jeito favorito de ler.

Livros

#SpoilerAlert: Momentos pelos quais estamos ansiosos para assistir em Como Eu Era Antes de Você

Como Eu Era Antes de Você

Me diga uma pessoa que leu “Como Eu Era Antes de Você” que não esteja contando os dias para ver o filme? Ou quem não chorou litros vendo os trailers? Esse foi um dos livro que eu li em dois dias, pois não conseguia parar de ler! E é um dos meus favoritos da Jojo Moyes (depois desse eu li vários outros)!

Aqui está uma lista das cenas que eu mais estou ansiosa para ver! Se você lembra de mais alguma deixa um comentário!

Leia por sua conta em risco (muitooosss Spoilers)

 

1. A visita da ex de Will

Logo no comecinho do livro, Alicia, a ex-namorada de Will visita o anexo da Granta House para dar uma notícia a ele: ela e Rupert, seu melhor amigo, vão se casar. Will recebe a notícia com sarcasmo, parabeniza o casal e faz com que Alicia saia da casa em prantos. Logo depois, Lou encontra Will em seu quarto destruindo porta-retratos com fotos de sua antiga vida. É a partir deste momento doloroso que Lou presencia que Will se abre para ela a respeito de como se sente e permite que ela se torne parte da vida dele.

2. Quando ele fica doente e ela se preocupa a ponto de dormir com ele

A primeira vez em que Will adoece deixa Lou muito assustada por não saber como lidar direito com o patrão em meio a uma nevasca e sem a ajuda do enfermeiro. Ela também vê um lado dele a que não estava acostumada: a fragilidade, tanto de corpo, quanto do espírito. Will não a expulsa e nem faz graça dela, ele não está bem e não quer estar sozinho. Preocupada, ela não sai do lado de Will a noite toda e é a mãe dele que encontra os dois dormindo juntos!

3. Quando ela descobre sobre a tentativa de suicídio dele

Na verdade, ela entende o que está acontecendo aos poucos. No livro, ao longo de mais ou menos dez páginas, ela enxerga as cicatrizes em seus pulsos e depois descobre o acordo que Will tem com os pais. Para ela, é como se fosse o fim de uma vida nova que lhe foi dada. Lou experimenta revolta, tristeza, chega a pedir demissão para a mãe de Will, mas enfim se enche de coragem e resolve elaborar um plano de aventuras que o fariam feliz a ponto de questionar a decisão tomada. Sofremos com ela.

4. O primeiro date deles

Will é fofo até quando é mala. Desde que descobriu que Lou é, na verdade, bem sensível, mas se acostumou a não aproveitar oportunidades que julgava “demais” para o tipo de pessoa que era, ele se imbuiu da missão de trazer estas experiências até ela. Quando surge um convite de um amigo para ver sua orquestra tocar, ele então decide lhe dar os ingressos. Mas Lou, espertinha, diz que só vai se ele a acompanhar (afinal, esta seria uma oportunidade perfeita para ele sair de casa e voltar a viver). E, naquela noite, os dois realmente vivem… O primeiro date!

5. A primeira carta que ele escreve para ela

Este é um evento pequeno na trama do livro, mas ultrassignificativo. Lou percebe que uma das grandes angústias de Will é a perda de autonomia. Todos parecem saber quais tipos de programas poderiam animá-lo, todos fazem coisas para ele, mas ele continua infeliz. Então, ela percebe que ele gostaria de poder escrever sozinho e encontra um software com que ele possa ditar sua própria correspondência. Quando ela recebe uma primeira carta dele, apenas agradecendo a ajuda, é emocionante.

6. O aniversário de Louisa e o presente de Will

 

Will ainda não saía muito a esta altura, mas percebemos o quanto ela já é importante para ele também quando decide que irá à casa dela para o seu jantar de aniversário. A família dela adora Will em parte pela gratidão por empregá-la e, em parte, por perceber a sintonia entre os dois. Quem não curte muito a visita é Patrick, o namorado de Louisa, que acha tanta intimidade ameaçadora (lembram quando o Will provoca ele?). E é. Isso fica bem evidente quando o boy oficial dá um presente para o qual Lou não liga muito e Will consegue uma versão adulta do par de meias que ela mais amou na infância, o que deixa ela super empolgada. É fofo demais!

7. A primeira dança do casal

Mais disposto pelas mudanças de espírito que Lou trouxe para casa, Will decide ir ao casamento da ex com ela. (Ou será que ele já tinha superado porque se apaixonou de novo? Fica no ar…). Ela acompanha o chefe achando que ele vai causar, mas se surpreende com sua animação na festa – ele até decide reservar um hotel próximo ao local para os dois dormirem e ela poder beber e não ter que dirigir de volta… Hum! Os dois curtem muito a noite, dançando coladinhos, trocando elogios e voltam de ressaca para a casa na manhã seguinte, felizes da vida! Dá para não ficar ansiosa para ver essa cena?

Veja o Trailer:

Como Eu Era Antes de Você estreia nos cinemas do país todo em 16 de junho.

Read More

Livros

Prova de que a fotografia de “Harry Potter e o Enigma do Príncipe” é linda

1. Harry Potter e o Enigma do Príncipe tem visual bem diferente do resto da série.

Harry Potter e o Enigma do Príncipe tem visual bem diferente do resto da série.Warner Bros.

2. Isso aconteceu porque foi o único filme de Harry Potter que teve participação do diretor de fotografia Bruno Delbonnel.

Isso aconteceu porque foi o único filme de Harry Potter que teve participação do diretor de fotografia Bruno Delbonnel.Warner Bros.

3. As imagens contam muito da história sem necessidade de diálogo, em parte devido ao trabalho de Delbonnel.

As imagens contam muito da história sem necessidade de diálogo, em parte devido ao trabalho de Delbonnel.Warner Bros.

4. Delbonnel também trabalhou em Amélie e Balada de um Homem Comum e ele tem a habilidade de ser sombrio e também consegue fazer um filme parecer extravagante e mágico.

Delbonnel também trabalhou em Amélie e Balada de um Homem Comum e ele tem a habilidade de ser sombrio e também consegue fazer um filme parecer extravagante e mágico.Warner Bros.

5. Esta tomada peculiar na Toca é estranhamente acolhedora, o que é basicamente uma definição da casa dos Weasley.

Esta tomada peculiar na Toca é estranhamente acolhedora, o que é basicamente uma definição da casa dos Weasley.Warner Bros.

6. E a cena do Expresso de Hogwarts em direção à escola…

E a cena do Expresso de Hogwarts em direção à escola...Warner Bros.

7. …é consideravelmente mais alegre do que a cena dele indo de volta para King’s Crossing no meio do ano.

...é consideravelmente mais alegre do que a cena dele indo de volta para King's Crossing no meio do ano.Warner Bros.

8. Tomadas dentro da escola no início do ano são bem iluminadas e mostram muita vida e agitação.

Tomadas dentro da escola no início do ano são bem iluminadas e mostram muita vida e agitação.Warner Bros.

9. Incluindo este vislumbre no Grande Salão. 

Incluindo este vislumbre no Grande Salão.Warner Bros.

10. No entanto, conforme o ano passa… 

No entanto, conforme o ano passa...Warner Bros.

11. …os personagens estão cada vez mais isolados.

...os personagens estão cada vez mais isolados.Warner Bros.

12. A iluminação de cada cena parece ficar mais escura e conter menos cor à medida que nos aproximamos do fim.

A iluminação de cada cena parece ficar mais escura e conter menos cor à medida que nos aproximamos do fim.Warner Bros.

13. Até mesmo o campo de Quadribol, que já foi o lugar da alegria de Harry, parece agourento.

Até mesmo o campo de Quadribol, que já foi o lugar da alegria de Harry, parece agourento.Warner Bros.

14. A simetria é um grande tema no filme.

A simetria é um grande tema no filme.Warner Bros.

15. Embora muitas vezes existam pequenos detalhes que interrompem a simetria, criando uma leve sensação de desconforto sobre o que está por vir. 

Embora muitas vezes existam pequenos detalhes que interrompem a simetria, criando uma leve sensação de desconforto sobre o que está por vir.Warner Bros.

16. A cor muitas vezes reflete a ação ou emoção de uma cena, como o ódio de Harry por Belatriz queimando.

A cor muitas vezes reflete a ação ou emoção de uma cena, como o ódio de Harry por Belatriz queimando.Warner Bros.

17. Ou o desespero crescente de Malfoy. 

Ou o desespero crescente de Malfoy.Warner Bros.

18. Em uma entrevista para a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, Delbonnel falou sobre os desafios de usar o mesmo cenário em uma história com um ambiente totalmente diferente.

Em uma entrevista para a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, Delbonnel falou sobre os desafios de usar o mesmo cenário em uma história com um ambiente totalmente diferente.Warner Bros.

19. “Alguns dos cenários estão lá desde o primeiro Potter”, Delbonnel disse quando perguntado sobre os desafios que enfrentou. “Como eu poderia iluminá-los de uma maneira diferente?”

"Alguns dos cenários estão lá desde o primeiro Potter", Delbonnel disse quando perguntado sobre os desafios que enfrentou. "Como eu poderia iluminá-los de uma maneira diferente?"Warner Bros.

20. Delbonnel também mencionou que considerava a própria Hogwarts como sendo uma espécie de “personagem sombria” na história.

Delbonnel também mencionou que considerava a própria Hogwarts como sendo uma espécie de "personagem sombria" na história.Warner Bros.

21. Na verdade, os salões parecem engolir os personagens em momentos de maior estresse.

Na verdade, os salões parecem engolir os personagens em momentos de maior estresse.Warner Bros.

22. E uma boa quantidade de tempo na tela é dedicada a mostrar sua proteção.

E uma boa quantidade de tempo na tela é dedicada a mostrar sua proteção.Warner Bros.

23. Delbonnel também encontrou maneiras de enquadrar de forma criativa personagens que, simultaneamente, deram uma sensação de intimidade, juntamente com uma sensação de escala.

Delbonnel também encontrou maneiras de enquadrar de forma criativa personagens que, simultaneamente, deram uma sensação de intimidade, juntamente com uma sensação de escala.Warner Bros.

24. Aqui, a tarefa de Harry e Dumbledore parece intransponível.

Aqui, a tarefa de Harry e Dumbledore parece intransponível.Warner Bros.

25. E Harry parece ainda mais impotente nesta longa tomada de seu duelo contra Snape.

E Harry parece ainda mais impotente nesta longa tomada de seu duelo contra Snape.Warner Bros.

26. Delbonnel observou que O Enigma do Príncipe é “menos sobre as grandes lutas do que sobre as relações entre os personagens.”

Delbonnel observou que O Enigma do Príncipe é "menos sobre as grandes lutas do que sobre as relações entre os personagens."Warner Bros.

27. Que pode ser o motivo pelo qual esta tomada em close foi escolhida para a morte de Dumbledore.

Que pode ser o motivo pelo qual esta tomada em close foi escolhida para a morte de Dumbledore.Warner Bros.

28. E explica por que a câmera encontra detalhes de cada personagem para focar, mesmo em momentos de ação. 

E explica por que a câmera encontra detalhes de cada personagem para focar, mesmo em momentos de ação.Warner Bros.

29. O Grande Salão vazio, novamente um exemplo de Hogwarts agindo como um personagem que fala por si.

O Grande Salão vazio, novamente um exemplo de Hogwarts agindo como um personagem que fala por si.Warner Bros.

30. Não é nenhuma surpresa que Delbonnel tenha sido indicado para o Oscar por este filme incrivelmente belo.

Não é nenhuma surpresa que Delbonnel tenha sido indicado para o Oscar por este filme incrivelmente belo.Warner Bros.

Fonte: BuzzFeed

Livros

 vai correndo ler

 vale a pena a leitura

 para perder um tempo

 para quando não tem outro

 só se for o último livro da estante

 corre!

Page 15 of 16
1 13 14 15 16